;

NOTÍCIAS

In:

Práticas para o bem

Por Paulo Hayashi Jr

 

Apesar das boas ideias e projetos em épocas de virada de ano, não raro as desculpas e as justificativas se tornam abundantes. Mas, quem coloca em ação as favoráveis ideias e as intenções movimentam recursos para a melhoria do ambiente e de si próprio. Transforma o ambiente por meio de projetos que fazem o bem e que beneficiem a todos. É deixar um rastro de luz e bondade por onde a pessoa passa. É a inteligência e o coração em ação.

Por outro lado, o indivíduo que faz também ganha com isso. Desde as mudanças internas de realizar o que é certo e com as emoções e comportamentos adequados. Entretanto, para que se tenha o polimento interior o agir não pode ser de qualquer modo. Agir por obrigação ganha-se a simples moeda e a retribuição já está à altura. Já quem faz sem segundas intenções angaria benefícios para sua alma e consciência.

A abnegação é valiosa joia para coroar as boas pessoas. É trabalhar com os sentimentos justos e o prazer de servir. Aos que fazem pelo benefício do próximo tal como seguir os passos do mestre Jesus nos alinha com os planos superiores.

De certo modo, o universo conspira aos que praticam o bem. Então, façamos sem olhar para quem e a trabalhar na esperança de um mundo melhor. Não há nada mais prazeroso que a alegria através do outro. Do sorriso e da felicidade alheia. Isso não há dinheiro que pague e conforme provérbio oriental, “um pouco de perfume sempre fica nas mãos de quem oferece flores”.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *