;

NOTÍCIAS

In:

Sebrae promove encontros regionais das Salas do Empreendedor e agentes de desenvolvimento no Agreste e Sertão Alagoano

Por João Paulo Macena

Encontro regional Sertão | Eventos reuniram profissionais para discutir gestão pública e o ambiente empresarial no estado.

Seguindo com o propósito de transformar os pequenos negócios em protagonistas do desenvolvimento sustentável do Brasil, atuando em rede para moldar o ambiente de negócios nos territórios, o Sebrae Alagoas promoveu na semana passada mais dois Encontros Regionais das Salas do Empreendedor e Agentes de Desenvolvimento. O primeiro foi realizado no município de Santana do Ipanema, na HM Eventos. O outro, em Arapiraca, na Agência de Atendimento Integrada do Sebrae.

Os encontros serviram para capacitar técnicos e representantes das Salas do Empreendedor e Agentes de Desenvolvimento que atuam nas regiões do Sertão e Agreste Alagoano, discutindo temas como gestão pública e as formas que eles podem atuar para melhorar o ambiente das micro e pequenas empresas.

Encontro regional Agreste

A analista da Unidade de Competitividade e Desenvolvimento do Sebrae Alagoas, Tatiana Eigler, destaca que os encontros foram realizados após outros dois com agentes e técnicos da Região Metropolitana de Maceió, na sede do Sebrae, e representantes dos municípios da região do Litoral Sul, a Agência Integrada do Sebrae em Penedo.

Ela também enfatiza a importância de realizar os encontros em várias regiões do estado.  “A ideia de fazer os encontros de maneira regional nos ajuda a reunir e facilitar o deslocamento dos participantes e disseminar mais a temática da gestão pública entre eles”, ressalta.

A importância dos Agentes de Desenvolvimento

O agente de desenvolvimento foi criado para auxiliar o processo de implementação e continuidade dos programas e projetos contidos na Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas (Lei Complementar 123/06). No entanto, o papel do agente e a sua influência positiva no município vão além das atividades relativas à Lei Geral.

Ele deve entender de competências específicas como planejamento estratégico, técnicas para moderação de grupos, negociação e solução de conflitos, elaboração e gestão de projetos, articulação e captação de recursos. O agente deve desempenhar um papel importante de coordenação e continuidade das atividades para desenvolvimento sustentável do município, juntamente com o poder público municipal e as lideranças do setor privado local.

Salas do Empreendedor

A Sala do Empreendedor tem por objetivo incentivar a legalização de negócios informais que se enquadrem nos requisitos estabelecidos pela Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, facilitar a abertura de novas empresas e regularizar as atividades informais e oferecer serviços aos Microempreendedores Individuais (MEI).

Lá também são oferecidas informações e orientações sobre a abertura, funcionamento e formalização de empresas, de forma simples e facilitada, além de orientação e capacitação para empreendedores.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *