;

NOTÍCIAS

In:

Passe Livre: quase 14 mil estudantes ativaram o benefício no primeiro mês

Por Assessoria

No primeiro mês do Passe Livre, 13.895 estudantes ativaram a modalidade e já se beneficiam da gratuidade na tarifa do transporte público. Um relatório da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) aponta que 172.804 mil embarques foram realizados e 2.395 novas vias foram emitidas no período. Em todo o ano de 2020, foram 1.900 novos cartões da bilhetagem. Os dados demostram uma adesão dos usuários à modalidade escolar da bilhetagem.

A estimativa é que mais de 50 mil estudantes sejam beneficiados com os 44 embarques mensais gratuitos. Acompanhada de seu filho, Daniele Vieira compareceu à Divisão de Cadastro (Dicad) da SMTT para efetuar a ativação do Passe Livre e destacou a importância da medida.

“É uma conquista para os estudantes e para nós pais de alunos, pois gera uma economia, ainda mais nesse período de crise que o país vem passando”, pontuou.

Daniele Vieira e Pedro Henrique destacaram a agilidade na ativação do Passe Livre. Foto: Micael Oliveira/Ascom SMTT

Pedro Henrique, que é estudante do último ano do ensino médio, disse que vai voltar para a academia com o dinheiro economizado. “Pra nós é bem difícil, sobretudo pra quem já está no fim do ensino médio, como é meu caso, toda uma rotina de estudos para o Enem. Então é um benefício que vem em bora hora, sem contar que o atendimento foi bem rápido e sem fila, fácil de agendar e sem burocracia”, disse.

Em um mês, 4.069 usuários procuraram os postos de atendimento para efetuar o recadastro da bilhetagem. Para facilitar ainda mais o acesso dos estudantes, até 15 de novembro, a Prefeitura suspendeu a obrigatoriedade do pagamento da multa por atraso. Desta forma, apenas o valor de R$ 7,00, referente à taxa de recadastro será cobrado.

Maria Layane disse que o Passe Livre vai ajudar no deslocamento dos estudantes às intituições de ensino. Foto: Micael Oliveira/Ascom SMTT

Para Maria Layane, estudante de medicina da Ufal, o benefício vai possibilitar o acesso dos estudantes às escolas. “Eu gostei muito da iniciativa pois agora a gente vai poder ir para a universidade sem se preocupar com pagar passagem. No tempo que eu estudava no Ifal eu via que alguns estudantes tinham essa dificuldade e, às vezes não iam para a aula porque não tinham o dinheiro da passagem e o Passe Livre resolve esse problema”, pontuou.

O superintendente da SMTT, André Costa, destaca que o Passe Livre é uma conquista histórica dos estudantes e incentiva a adesão. “Nosso levantamento mostrou que 116.857 mil embarques foram realizados ainda com o pagamento da meia tarifa, pois os estudantes não efetuaram a ativação. É de extrema importância que eles façam valer o direito conquistado que foi pensado para facilitar o acesso às instituições de ensino”, reforçou

Ativação é realizada mediante agendamento pelo site. Foto: Micael Oliveira/Ascom SMTT

Para a ativação, os estudantes que estão em dia com o recadastro no ano de 2021, poderão comparecer na sede do Vamu, na Rua Buarque de Macedo (Centro), na Divisão de Cadastros (sede da SMTT), ou nos terminais de passageiros da Colina dos Eucaliptos e do Benedito Bentes. Para o procedimento, é necessário um agendamento pelo site. Caso não tenha realizado o agendamento, o titular não será atendido.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *