;

NOTÍCIAS

In:

Dia do Estudante: saiba como organizar os estudos na reta final do Enem

Por Anna Sales

É essencial dividir adequadamente o tempo e lembrar de treinar a redação

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2021 está entrando em sua reta final: faltam menos de quatro meses para a realização das provas, que serão aplicadas em novembro e contam com o menor número de participantes desde 2005: pouco mais de 3 milhões. Nessa época, é comum ver que os cursinhos preparatórios já começam as revisões e aumentam o número de simulados. Porém, nem todos os estudantes conseguiram dar conta dos assuntos.

Mas ainda dá tempo de estudar o que falta? Segundo Verônica Wolff, psicopedagoga do Núcleo de Apoio Pedagógico e Psicossocial (Napps) do Centtro Universitário Tiradentes (Unit/Alagoas), é possível, desde que seja feito um cronograma de estudos que se encaixe na disponibilidade de tempo do candidato, separando bem as matérias e detalhando os tópicos abordados, incluindo a redação.

No primeiro ano em que irá participar das provas do Enem sem estar no ensino médio, Thayná Xavier montou um cronograma e segue a rotina de acordo com o material e as aulas do cursinho. Ela sonha em cursar Biomedicina e ainda está estudando novos assuntos, porém realiza simulados e quando percebe que tem muita dificuldade em um assunto, faz revisão por vídeo aula e busca resoluções de questões.

Para evitar de procrastinar, a estudante instalou um aplicativo no celular que bloqueia notificações desnecessárias, além de colocar música clássica enquanto faz as questões. “Isso me ajuda a manter o foco e também abafar os barulhos externos. Mas uso apenas música clássica, pois as outras tiram minha concentração, porque termino prestando mais atenção na letra e fico distraída”, assinala.

De acordo com a psicopedagoga, nessa reta final é ainda mais necessário estudar os assuntos, inclusive os que parecem mais difíceis para cada aluno. “O ser humano é assim, a gente faz aquilo que dá prazer, então se não está me dando prazer, vai deixando para depois. Mas, se você tiver um cronograma e segui-lo, as chances de sucesso são maiores. Isso também ajuda a evitar a procrastinação”, comenta.

Como montar um cronograma de estudos?

Verônica Wolff explica que cada aluno tem a sua maneira de estudar, portanto, o cronograma deve ser feito levando em consideração o gosto de cada aluno. “Não adianta o aluno se iludir achando que vai passar 24 horas estudando, porque não vai. Ele vai querer parar para ver uma série, dar uma volta na praia, fazer aquilo que gosta. O lazer e o relaxamento da cabeça são muito importantes. Então, ele vai fazer baseado na sua vida, vendo quais são as horas que realmente consegue se dedicar e render para estudar”, ensina.

Veja algumas dicas da Psicopedagoga para organizar os estudos nessa reta final:

1- Escolha o local em que você vai estudar, lembrando que deve ser calmo e organizado. Bagunça não combina com estudo.

2- No momento da revisão, procure o método de estudos que melhor se encaixa com você: técnica pomodoro, estudo intercalado, questionário, mapas mentais, releitura, resumos,entre outras.

3- Não deixe conteúdos para trás. Estude todos, dos mais fáceis aos mais difíceis. Dividindo o tempo, você conseguirá estudar para todos eles.

4- Cada pessoa se encaixa em uma forma de estudo. O importante é ter organização e não procrastinar. Colocar como uma meta a ser cumprida.

5- Prepare materiais de qualidade para estudar. Todas as disciplinas e conteúdos são importantes, não dê preferência aqueles que você gosta mais.

6- Revise todos os conteúdos, mas caso tenha ficado algum que você estudou menos, volte nele para que não fiquem lacunas. Uma boa dica é procurar os exercícios dos anos anteriores ou fazer simulados.

7- Treine bastante a redação, pois ela pode ser o diferencial na sua pontuação.

8- Devagar se vai ao longe: estude cada dia um pouco, com intervalos entre uma hora e outra, dividindo as disciplinas para não estudar sempre o mesmo conteúdo.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *