;

NOTÍCIAS

In:

Tarcizo Freire faz relato emocionado sobre sua experiência durante a pandemia

Por Assessoria

Da tribuna da Casa, nesta terça-feira, 4, primeiro dia de retorno às atividades do Parlamento, o deputado Tarcizo Freire (PP) relatou sua experiência nada agradável com a Covid-19. Ele falou de seus medos e angústias durante os dias em que esteve doente. “Retorno a essa Casa me sentindo um sobrevivente dessa pandemia. Confinado, impedido de ver e me aproximar de meus entes queridos, me senti impotente e incapaz de me defender e defender os meus”, contou Freire, afirmando nunca ter se sentido tão mortal e vulnerável.

O parlamentar se solidarizou com as famílias das mais de 94 mil pessoas que perderam a vida para o novo coronavírus no Brasil, sendo mais de 1,6 mil no Estado de Alagoas. Freire também rendeu homenagens aos profissionais de saúde, que bravamente atuam na linha de frente do combate a doença.

“Aprendi que na angústia e no sofrimento só nos resta a fé em Deus. Preso entre quatro paredes, onde vivi uma falsa ilusão de segurança. O monstro chamado Covid-19 parecia espreitar por todo canto. Os noticiários da televisão só aumentavam o pânico. Nunca pensei passar pelo que passei. Foram seis dias sem dormir, febre, frio, corpo todo doído, a carne tremia”, relatou o parlamentar, alertando as pessoas para que cumpram os protocolos recomendados pelos organismos de saúde, como o distanciamento social, o uso da máscara e a higienização adequada das mãos para evitar o contágio. “Temos que ter muito cuidado, porque é um inimigo invisível, que já tirou a vida de muita gente”, disse Tarcizo Freire, agradecendo o apoio de seu médico, familiares e dos colegas de plenário.

O parlamentar observou que o mundo pós-pandemia não será o mesmo e que todos precisarão se reinventar, tanto no setor público quanto no privado. “Pois os efeitos colaterais vão além de fatores econômicos. Passam também por fatores psicológicos, mudança de cultura. Mudaremos a forma de ver as coisas daqui pra frente”, avalia o deputado. “Ser gestor público no pós-pandemia exigirá ainda mais coragem e atitude para se posicionar diante das mais diversas situações, mesma que tenha que sair da sua zona de conforto”, destacou Tarcizo Freire, complementando que, mais do que nunca, o gestor público terá que ser proativo na execução de políticas públicas que tragam benefícios para a população, sobretudo às mais carentes.

Em aparte, o deputado Inácio Loiola (PDT) se solidarizou com Tarcizo Freire, dizendo que este momento de pandemia lhe fez refletir bastante sobre a existência de um ser superior. “Ao longo desses últimos cinco meses tenho feito uma reflexão empírica sobre tudo o que aconteceu até o presente na história da humanidade e cheguei a conclusão que nós não temos como duvidar da existência de um ser superior”, disse Loiola.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *