;

NOTÍCIAS

In:

Palmeira: Falece Chico da Farmácia

Por Redação

Morreu hoje (21) pela manhã em Palmeira dos Índios o conhecido Chico da Farmácia, prático em medicina a quem muitos cidadãos recorria para o restabelecimento da saúde. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Segundo o professor Cosme Rogério, “com o falecimento de Chico da Farmácia, ocorrido hoje, um dia após a data magna de Palmeira dos Índios, vai-se o último “Chico do Hospital”, outro modo pelo qual ele era chamado. Afirmo ser ele o derradeiro por ter pertencido a uma antiga tradição de “práticos”, mistos de médicos e curandeiros, isto é, conhecedores de saberes técnicos e saberes da tradição popular, alguns de ordem mística, em questões de cura” disse.

Cosme Rogério diz ainda que “nos povoamentos em que não havia um médico, ou, como em Palmeira, onde o médico vinha de fora uma vez ao mês, bem ou mal os práticos supriam essa demanda. Um dos práticos mais afamados da história de Palmeira foi Francisco Pinto Pimentel, o Chico Pinto, pai do ex-prefeito Minervo Pimentel. Chico Pinto, hoje nome de rua, foi diretor-fundador do primeiro hospital de Palmeira dos Índios: o Hospital São Vicente de Paulo, instalado no ano de 1905, exatamente onde hoje é o Colégio Sagrada Família, prédio que preserva traços da fachada original do antigo nosocômio. Chico Pinto tornou-se o primeiro “Chico do Hospital”. Chico da Farmácia, ex-servidor do Hospital Regional Santa Rita, foi o último. A modernização profissionalizou o tratamento das questões de saúde na cidade, cada vez mais especializado: médicos, enfermeiros, técnicos, pouco a pouco superaram a figura do prático. Jorge da Farmácia, outro prático de nosso tempo, já se foi há alguns anos e, hoje, parte o Chico, proprietário da drogaria Xucurus, defronte à Praça do Rosário, outrora Pátio dos Pagãos, nos arrabaldes da antiga Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, quilombo urbano de Palmeira dos Índios. Os práticos desapareceram, mas se encantaram de outra forma. Eles agora são memória palmeirense” disse.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *