;

NOTÍCIAS

In:

Covid-19: 116.683 brasileiros recuperados

Por Agência Saúde

O Brasil confirmou nesta quarta-feira (20) que 116.683 pessoas já se recuperaram do coronavírus em todo o país. Nas últimas 24h, 9.889 pessoas se recuperaram da doença. O número representa 40% do total de casos confirmados atualmente (291.579). Há ainda 156.037 pacientes em tratamento. As informações foram atualizadas até as 19h e repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde.

O Governo do Brasil, junto às secretarias de saúde estaduais e municipais, está cuidando de todos. São investimentos em ações e serviços, aquisição de insumos, respiradores, equipamentos e EPIS, além da habilitação de leitos de UTI. Desde abril, a pasta já habilitou 6.142 leitos exclusivos de UTI exclusivos para pacientes graves ou gravíssimos da doença. Somente na última semana foram 2.352 habilitações. Cada leito recebe o dobro do valor por diária de internação. Ao todo, já foram investidos R$ 882,3 milhões, pagos em parcela única para todos os estados brasileiros.

Até o momento, o país registra 19.951 óbitos, sendo que 888 foram registrados nos sistemas de informação oficiais do Ministério da Saúde nas últimas 24h, apesar de a maioria ter acontecido em outros dias. Isso porque as notificações ocorrem apenas após a conclusão da investigação dos motivos das mortes. Desse total, 223 mortes ocorreram, de fato, nos últimos três dias e outras 3.483 estão em investigação.

Veja o detalhamento de casos e óbitos por UF

O Ministério da Saúde tem empenhado esforços e investido em infraestrutura, com habilitação de novos leitos de UTI, reforço de recursos humanos e aquisição de equipamentos de proteção individual, insumos e respiradores. A pasta também tem liberado recursos para auxiliar estados e municípios a enfrentarem a pandemia, com o intuito de garantir a estrutura necessária ao atendimento dos pacientes. Entre abril e maio, já foram habilitados mais de 4 mil leitos de UTI, voltados exclusivamente para o atendimento de pacientes graves ou gravíssimos do coronavírus.

Atualmente, a doença circula em pouco mais da metade dos municípios brasileiros, mas a maior parte não registra nenhum óbito.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com