;

NOTÍCIAS

In:

Farol desligado em rodovias estaduais de Alagoas começa a render multas

Por Redação com G1

Os motoristas que trafegarem com o farol desligado nas rodovias estaduais de Alagoas que estão sinalizadas já poderão ser multados, segundo informou o Departamento de Estradas de Rodagem de Alagoas (DER/AL). A obrigatoriedade voltou a valer no estado na quinta-feira (24), quando as primeiras placas indicando a obrigatoriedade do uso do farol foram instaladas.

A medida já era válida para as rodovias federais que cortam Alagoas e também em todo o país desde o dia 8 de julho deste ano, mas a aplicação de multa foi suspensa em setembro porque muitas rodovias não estavam sinalizadas.

O argumento era de que por várias vezes os motoristas confundiam as rodovias com ruas e avenidas que compõem a malha urbana, e por isso não ligavam os faróis.

De acordo com o DER, a primeira fase de instalação das placas deve durar até a próxima terça-feira (29) e contempla as rodovias AL-220, AL-110, AL-115, AL-101 Sul e Norte, além das rodovias no contorno de Arapiraca.

De acordo com o superintendente de Transporte e Trânsito do DER, engenheiro Thadeu Marques Luz, após dois meses de ações educativas e orientação aos motoristas com relação às normas de trânsito, agora, com a instalação das placas, a fiscalização tem caráter punitivo.

“Depois de um longo prazo de trabalho educacional feito durante as abordagens de rotina, quando nossos agentes passavam informações sobre a Lei do Farol Baixo, o DER e o Batalhão de Polícia Rodoviário (BRPv) e o Batalhão de Polícia de Trânsito vão iniciar a punição aos motoristas que não cumprirem a lei”, explica o superintendente.

O motorista que for flagrado com o farol desligado cometerá uma infração média, com até 4 pontos na carteira de habilitação e multa prevista no valor de R$ 130,16.

 Motoristas devem manter farol baixo ligado ao trafegar por rodovias estaduais ou federais (Foto: Reprodução/TV Gazeta)

Motoristas devem manter farol baixo ligado ao trafegar por rodovias estaduais ou federais (Foto: Reprodução/TV Gazeta)

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *