NOTÍCIAS

In:

Após despachar favorito, Monfils perde de russo no Torneio de Sófia

Após eliminar o grego Stefanos Tsitsipas, principal favorito ao título em Sófia, o tenista francês Gael Monfils foi eliminado neste sábado na semifinal do torneio disputado na Bulgária, em quadras duras. Sétimo cabeça de chave, Monfils caiu diante do russo Daniil Medvedev, terceiro pré-classificado, pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4, em 1h16min.

Atual número 33 do mundo, Monfils não ofereceu muita resistência ao jovem russo, 16º do ranking. O francês sofreu quatro quebras de saque, sendo duas em cada set, e obteve apenas uma quebra sobre o russo, na segunda parcial.

Uma das apostas da nova geração, Medvedev já vai disputar a sua segunda final da temporada, neste domingo. O tenista de 22 anos busca o primeiro título do ano, sendo o quarto na carreira em nível ATP.

No domingo, ele enfrentará o húngaro Marton Fucsovics, que avançou neste sábado ao superar o italiano Matteo Berrettini por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 7/5 e 6/3. Será apenas o segundo confronto entre os dois tenistas no circuito. O primeiro foi vencido por Medvedev, no ano passado, no saibro do Masters 1000 de Montecarlo.

FRANÇA – No Torneio de Montpellier, também de nível ATP 250, a final será somente com tenistas da casa. Jo-Wilfried Tsonga, exibindo grandes performances ao longo da semana, vai encarar o compatriota Pierre-Hugues Herbert, responsável pela eliminação do checo Tomas Berdych neste sábado.

Tsonga arrasou o moldávio Radu Albot por 2 a 0, com parciais de 6/1 e 6/3. Atual 210º do mundo e ex-número cinco do mundo, o francês não disputava uma final desde 2017. No ano passado, ele disputou poucos torneios e jogou mal em razão de seguidos problemas físicos. Também levanta um troféu desde 2017.

Neste domingo, ele terá a oportunidade de encerrar este jejum diante de Pierre-Hugues Herbert, sétimo cabeça de chave do torneio, mas que tem seus melhores resultados nas duplas. Neste sábado, ele surpreendeu ao obter um grande resultado, sobre Berdych, pelo placar de 6/2 e 7/5.

Com seu melhor ranking de simples (44º), Herbert vai disputar apenas a sua terceira final de nível ATP – as duas anteriores foram em 2018 e 2015, sem sucesso. O tenista de 27 anos ainda busca seu primeiro troféu de simples. Já Tsonga, que já tem uma final de Grand Slam no currículo, disputará sua 29ª final da carreira, tentando o 17º título.

Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com