NOTÍCIAS

In:

Cosems/AL apoia evento que reúne especialistas da Saúde & Tecnologia do país

Por Redação com COSEMS Alagoas

IMG_4498

A presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas (Cosems), Izabelle Pereira, participou nessa quarta-feira (6) do Seminário Saúde & Tecnologia: Inovação de Ferramentas Práticas para ajudar a vencer os desafios na Atenção Primária. O evento tem o apoio do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas (Cosems) e se estende até à tarde no Campus Veterinário do Cesmac, em Marechal Deodoro. O encontro que culminou com o lançamento do Projeto Cidade Inteligente Saudável reuniu especialistas renomados de vários estados brasileiros.

Na ocasião, a titular do Cosems, também gestora da pasta de Teotônio Vilela, destacou a importância desta ferramenta para que os gestores da Saúde possam ter mais agilidade no desempenho das ações e dados mais fidedignos para garantir a qualidade da saúde da população. “A atenção básica precisa ser política prioritária para os municípios, Estado e União, bem como os Poderes constituídos precisam compreender que nela se inicia a saúde da população, considerando que mais de 150 milhões de pessoas dependem exclusivamente do SUS”.

Segundo Izabelle, a implantação da tecnologia vai proporcionar o melhor do trabalho dos diversos setores da pasta, trazendo mais resolutividade. “O Cosems de Alagoas está de portas abertas para contribuir sempre com o fortalecimento da saúde do Estado de Alagoas”, reforçou a gestora, acrescentando que o evento vai trazer uma expertise maior para os profissionais da saúde dos municípios alagoanos.

O secretário de Saúde de Marechal Deodoro, Aerton Lessa, é um entusiasta da inovação e ressalta que a tecnologia é um instrumento que vai permitir aos gestores acionar os entes da saúde de forma mais rápida, bem como trazer mais resolutividade para o tratamento dos pacientes na atenção primária, por meio de recursos como a telemedicina e a teleconsulta. “Com a ferramenta da tecnologia reduzimos custos, otimizamos e damos mais celeridade às ações. Precisamos compartilhar mais informações e o Cosems tem nos ajudado nisso”.

O secretário de Planejamento. Gestão e Patrimônio de Alagoas, Fabrício Marques salientou que o país enfrenta uma de suas piores crises econômica com mudança demográfica acelerada. “Os municípios sofrem mais com a crise que o Estado que precisa de mais espaços como este para enfrentar os problemas e melhorar a saúde dos alagoanos, já que pesquisas revelam que o maior gargalo do país é a saúde”, reconheceu.

O prefeito de Marechal Deodoro, Cláudio Filho, afirmou que o município tem 52 mil habitantes e 47 mil usuários têm a sua saúde mapeada por profissionais por meio do uso de tablets. “Com isso, acompanhamos os problemas de saúde de cada um e as soluções que estão sendo tomadas. Marechal será o primeiro de Alagoas a ter todos os agentes de endemias com este instrumento de monitoramento da saúde da população”, destacou, acrescentando que a tecnologia favorece o avanço de forma planejada, já que a maior dificuldade de gestão no Brasil é a falta de planejamento das ações.

O Seminário é uma realização do Grand Challenges Canadá, Instituto de Tecnologia em Informática e Inovação de Alagoas, Talentos da Saúde da Fundação Lemann, Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas e a Prefeitura de Marechal Deodoro. Dentre as pautas da manhã estão Tecnologia & Saúde – Promessas e Realidades; Como a tecnologia ajuda a comunicação a salvar vidas; e Saúde Integrada – Vantagens do prontuário único na rede SUS.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com